Bancada pede a Bolsonaro que o Acre tenha projeto de vacinação em massa na Amazônia

A Bancada Federal do Acre, representada pelo senador Sérgio Petecão, enviou um ofício em caráter de urgência ao presidente da República Jair Bolsonaro nesta quarta-feira, 17, pedindo priorização da população do Acre na vacinação em massa contra a Covid-19.

 

O pedido veio em função da situação de Calamidade Pública em que se encontra a Saúde do Acre e a pandemia que se alastrou em todo território acreano. “Informamos que no momento as estruturas da Saúde do Acre, os hospitais públicos e particulares, inclusive os hospitais de campanha montados, se encontram com 100% de suas UTI’s ocupadas, em absoluto colapso”, explica o documento.

Para isso, os senadores e deputados federais destacam a situação do estado após vários municípios terem sido afligidos por enchentes, que deixaram dezenas de milhares de pessoas desabrigadas e desamparadas, e ainda provocaram surtos endêmicos de outras doenças, como a dengue, leptospirose e hepatite “A, superlotando ainda mais a rede hospitalar do estado, já colapsada devido ao COVID-19”, salientam.

O pedido também leva em consideração o fato de o Acre ser um estado geograficamente isolado e de difícil acesso. “A imunização dos 894.470 acreanos custaria muito menos dinheiro aos cofres públicos, com resultados eficientes e eficazes mais rápidos, do que os gastos exorbitantes com a logística de transferência de pacientes para outros estados e encaminhamento de cilindro de oxigênio por reiteradas vezes, para suprir as nossas necessidades, como aconteceu no estado do Amazonas em seu momento crítico”, garante a Bancada.

O pedido de vacinação em massa foi acompanhado de uma sugestão: que o Acre possa ser incluído num Projeto Piloto de vacinação em massa da nossa Amazônia. “O Governo Federal precisa ter um olhar e dar uma atenção diferenciada para o Acre, especialmente por ser um Estado fronteiriço, por se encontrar geograficamente distantes dos grandes centros do nosso País e, principalmente, no momento em que a pandemia se alastra de forma impiedosa em todo território acreano, com tendências de piorar a situação, conforme informações dos pesquisadores e cientistas brasileiros”, conclui.

O documento é assinado por membros da Bancada do Estado do Acre: Senador Márcio Bittar (MDB) – Relator do Orçamento Geral da União /2021; Senadora Mailza Gomes (PP); Deputado Federal Alan Rick (DEM); Deputada Federal Dra. Vanda Milani (SOLIDARIEDADE); Deputado Federal Flaviano Melo (MDB); Deputada Federal Jessica Sales (MDB); Deputado Federal Jesus Sérgio (PDT); Deputado Federal Léo de Brito (PT); Deputada Federal Mara Rocha (PSDB) e Deputada Federal Perpétua Almeida (PCdoB).

%d blogueiros gostam disto: