Capixaba decreta estado de emergência devido a estragos causados por temporal

O prefeito do município de Capixaba, Antônio Cordeiro da Silva, acaba de decretar estado de situação de emergência devido ao último temporal, ocorrido no sábado, 7, que atingiu cerca de 120 famílias na cidade. O Decreto foi publicado na edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (9).

Segundo o prefeito, o município foi atingido por fortes rajadas de ventos com velocidade estimada acima de 50km/h, que culminou situação de desastre. “(…) historicamente nossa região no período compreendido entre o mês de setembro à 1ª quinzena de outubro, ocorre com maior severidade ocorrências dessa natureza e magnitude, podendo inclusive se repetirem”, diz o documento.

De acordo com o Executivo municipal, a prefeitura passa por dificuldades financeiras e o atendimento financeiro para situações de emergências necessárias se torna incompatível. O Decreto possui prazo máximo de 180 (cento e Oitenta) dias e entrará em vigor nesta terça-feira.

Entenda

O vendaval que aconteceu no último final de semana no município deixou inúmeros prejuízos. Casas foram destelhadas, destruídas, árvores derrubadas em lojas, escolas. Além disso, pessoas ficaram feridas, desabrigadas e um cachorro acabou morrendo.

Um abrigo temporário foi montado pela prefeitura no Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) para pessoas que tiveram a casa totalmente derrubada com o temporal. Outras se encontram em casas de familiares. Uma escola de ensino infantil teve as aulas suspensas esta semana.

%d blogueiros gostam disto: