Flamengo é humilhado no Mineirão: 4×0

A primeira etapa foi marcada pelo começo arrasador do time mineiro, que foi comandado pelo auxiliar de Jorge Sampaoli, que, suspenso, assistiu ao confronto das arquibancadas. Com sete minutos de jogo já estava 2 a 0 para os donos da casa. Domènec Torrent parecia não acreditar à beirada do campo.

O primeiro saiu aos 3 minutos. Savarino chegou pela direita e cruzou na medida. A bola encontrou o atacante Eduardo Sasha, que levou a melhor sobre Gustavo Henrique e desviou de esquerda para abrir o placar.

Não deu tempo de respirar. Aos 7, o segundo. Mais uma vez, Savarino deu a assistência.

O venezuelano cortou para o meio e achou Keno na área. O atacante finalizou sem chances para o goleiro Hugo Souza.

OPINIÃOBlog do Paulo Cobos: Não dá mais, o trabalho de Dome no Flamengo é (muito) ruim

Aos 30, mais uma chegada do Atlético-MG. Alan Franco recebeu na entrada da área e finalizou, mas o goleiro Hugo Souza espalmou e evitou o terceiro.

Aos 35, em jogada ensaiada, Filipe Luís bateu escanteio, a bola foi rolada para Arão, que chutou e obrigou Everson a fazer boa defesa.

Segundo tempo

Na segunda etapa, a primeira chance foi do Flamengo. Com um minuto, Pedro cabeceou, e Everson espalmou. Na sobra, Bruno Henrique mandou no travessão.

O troco do Atlético-MG veio na sequência. Gustavo Henrique afastou mal, Keno dominou, carregou e chutou por cima do gol.

Aos 13, mais um de Eduardo Sasha. O atacante recebeu cruzamento de Guilherme Arana e mergulhou de peixinho para fazer o terceiro, com a bola passando por baixo das pernas do arqueiro rubro-negro.

Sasha queria mais. Aos 15, quase o hat-trick. O atacante saiu cara a cara com Hugo Souza e tocou na saída do goleiro. No entanto, a bola foi para fora.

Aos 19, quase o Flamengo descontou. Pedro recebeu cruzamento, cabeceou, e Everson, de novo, fez grande defesa.

%d blogueiros gostam disto: