Força de Segurança do Acre apreende contrabando de água sanitária no Rio Acre

O serviço de inteligência da Força de Segurança do Acre, envolvendo equipes do Grupo Especial de Fronteira – Gefron, fez que com um trabalho de campana fosse montado às margens do rio Acre na cidade de Brasiléia.

Segundo foi apurado, pessoas estariam agindo de forma ilegal contrabandeando produtos e até drogas e uma equipe foi montada para que pudessem ver a veracidade das informações adquiridas.

Os locais geralmente utilizados, seriam a região periférica da cidade e o local seria o Bairro Leonardo Barbosa, na Invasão 28 Maio, que faz divisa com a cidade vizinha de Cobija, lado boliviano. Fortemente armados e preparados, por volta das 2h00 da madrugada, chegaram em um local onde havia várias sacolas cobertas por matos.

Parte da carga no momento que era colocado na carroceria da viatura – Foto: oaltoacre.com

Foi quando perceberam que haviam várias pessoas passando os produtos para o lado boliviano. Ao perceberem a presença dos policiais, todos pularam para dentro do rio para fugir do flagrante, deixando toda a carga para trás em uma canoa. Também perceberam que havia muitas sacolas no lado boliviano.

Foi quando perceberam que a carga de 265 garrafas de água sanitária de dois litros, somando ao todo 530 litros. Caso tivessem pego todas, poderia ser o triplo. Tudo foi embarcado e levado para a delegacia da Polícia Federal, devido ser considerado crime federal por contrabando de mercadoria, sem o pagamento devido dos impostos de importação.

Toda a carga será dado o perdimento, podendo ser doado, ou não, a instituições públicas por ser um produto não perecível.

%d blogueiros gostam disto: