Homem é preso e menor apreendido suspeitos pela morte de jovem no interior do Acre

Um homem foi preso e um adolescente de 17 anos apreendido pela morte de Danilo Alemão, de 20 anos, encontrado morto dentro do apartamento em Capixaba, interior do Acre. A dupla foi levada para a delegacia nesta segunda-feira (22), onde presta depoimento.

Alemão foi achado morto na tarde deste domingo (21). De acordo com a polícia, a vítima estava caída em cima da cama e teria sido morta com quatro tiros.

Ao G1, o delegado responsável pelo caso, Marcos Cabral, informou que os presos confessaram o crime e relataram que mataram Alemão porque ele seria de uma facção rival. Porém, Cabral diz que ainda não é possível confirmar a informação.

“Segundo eles, foi por conta disso, que ele era de facção, mas não comprovamos ainda. Um foi pego em uma motocicleta na via urbana, o outro estava na casa de amigos”, falou.

Ainda segundo a polícia, Edvaldo da Costa Manasfi, conhecido como Yuri, de 26 anos, confessou que levou o menor até o apartamento da vítima em um motocicleta. Manasfi relatou também em depoimento que o adolescente teria atirado na vítima.

“Falaram que ele [Alemão] teria matado uma criança em Rio Branco, mas isso é só alegação, não tem nada concreto. Os familiares disseram que sentiram falta de um aparelho celular. Confessaram só a morte mesmo”, concluiu.