Ministro da Educação desmente boatos sobre adiamento do Enem no Acre

Definitivamente as fake news viraram indústria no Brasil. Durante entrevista coletiva à imprensa, o ministro da Educação, Rossieli Soares, lamentou o ataque de fake news ocorrido nessa semana informando, erroneamente, que as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 no Estado do Acre teriam sido adiadas por causa de suposta nova greve de caminhoneiros. A informação foi negada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

“Infelizmente tivemos ataque de fake news nessa semana […] Pedimos atenção das mídias que nos ajudem a informar bem e tranquilizar nossos estudantes”. São 5,5 milhões de inscritos no exame em todo o país.

O exame será aplicado em todas as Unidades da Federação nos dias 04 e 11 de novembro – ou seja, em dois domingos consecutivos.

No Twitter, o Inep se pronunciou. “#Enem2018 | Fake News estão por aí, mas quem fala oficialmente pelo exame é o @MEC_Comunicacao e nós aqui (@Inep_Imprensa). Acesse as informações exatas nos nossos portais e redes sociais. Estamos com vocês!”.

%d blogueiros gostam disto: