Modric desbanca Cristiano Ronaldo e é eleito o melhor do mundo pela Fifa

Por UOL

O futebol mundial tem um novo rei. Depois de 10 edições, nem Cristiano Ronaldo e nem Lionel Messi conquistaram o principal troféu individual da modalidade. O melhor jogador do planeta agora é Luka Modric, que recebeu nesta segunda-feira (24) o prêmio The Best, em cerimônia promovida pela Fifa (Federação Internacional de Futebol e Associados) na cidade de Londres.

O croata superou na disputa o próprio Cristiano Ronaldo, que sequer viajou à capital inglesa para a premiação deste ano, e o egípcio Mohamed Salah, dono de temporada marcante com a camisa do Liverpool.

“Este prêmio mostra que todos nós podemos nos tornar os melhores com dedicação, trabalho e confiança. Com isso, todos os sonhos podem se tornar realidade”, discursou Modric.

Campeão da Liga dos Campeões pelo Real Madrid e finalista da Copa do Mundo com a Croácia, o camisa 10 do Real Madrid se tornou o primeiro jogador desde 2007 a quebrar a disputa direta entre Messi e Ronaldo.

Há 11 anos, Kaká era o último a ser eleito o melhor do mundo antes de anteceder o domínio completo do argentino e do português – ambos entraram na seleção ideal da temporada, mas não viajaram a Londres para o evento da Fifa.

Modric ganhou o pleito que conta com votos do capitão e do técnico de cada seleção, de um jornalista de cada país inscrito na Fifa e de torcedores registrados no site oficial da entidade mais importante do futebol mundial.

Confira a lista de vencedores na premiação The Best:

Melhor jogador (futebol masculino): Modric
Melhor jogadora (futebol feminino): Marta
Premio Puskás (gol mais bonito): Mohamed Salah
Melhor técnico (futebol masculino): Didier Deschamps
Melhor técnico (futebol feminino): Reynald Pedros
Melhor goleiro: Thibaut Courtois
Melhor torcida: Peruanos na Copa do Mundo
Fair Play: Lennart Thy
Seleção da temporada: David De Gea (Manchester United/Espanha); Dani Alves (PSG/Brasil), Sergio Ramos (Real Madrid/Espanha), Raphael Varane (Real Madrid/França) e Marcelo (Real Madrid/Brasil); Luka Modric (Real Madrid/Croácia), N’Golo Kanté (Chelsea/França) e Eden Hazard (Chelsea/Bélgica); Lionel Messi (Barcelona/Argentina), Kylian Mbappé (PSG/França) e Cristiano Ronaldo (Juventus/Portugal)