Neiva Badotti apresenta PL que institui o Dia municipal do Doador de Sangue voluntário

 

A idéia principal da Lei visa inserir o poder público municipal dentro das campanhas e demandas do sistema que rege o controle do banco de sangue em Brasiléia. Isso porque atualmente a demanda é gerida pelo Estado, sem que haja a participação do município enquanto gestão.

“A gente quer instituir o dia municipal do doador para que o município entre na linha de frente dessa luta. Criando incentivos para os doadores como; a prioridade no atendimento da rede municipal de saúde na hora de fazer os exames, e entre outros”. Afirmou Neiva Badotti.

 

Ainda segundo a Lei, se aprovada,  entre os benefícios de incentivo estaria a garantiria na isenção de taxas nos concursos públicos municipais aos doadores que estivessem em dia com a doação.

Para Neiva Badotti o apoio da Prefeitura na campanha de doação de sangue seria primordial uma vez, que poderia ser criada a semana municipal do doador de sangue voluntário com campanhas alusivas nas mais diversas áreas do município.

O projeto deverá ser votado na próxima semana, e se a maioria concordar será encaminhado para a Prefeitura de Brasiléia.

%d blogueiros gostam disto: