No AC, PF conduz 32 pessoas à delegacia e prende outras 9 por suspeita de crime eleitoral

A Polícia Federal divulgou um boletim final com os procedimentos realizados neste domingo (7) durante a fiscalização das Eleições 2018 no Acre. Ao todo, 32 pessoas foram conduzidas à delegacia e outras 9 pessoas presas por suspeita de crimes de compra de voto, corrupção eleitoral, transporte irregular de eleitores e concentração irregular de eleitores.

Sete inquéritos policiais foram abertos em Rio Branco, Cruzeiro do Sul e Epitaciolândia. Em Rio Branco três pessoas foram presas por compra de votos e transporte irregular de eleitores. Em Cruzeiro, três foram presos por compra de votos e 2 por concentração irregular de eleitores. Uma pessoa foi presa em Epitaciolândia por transporte irregular de eleitores.

Além disso, o órgão instaurou 15 termos circunstanciados de ocorrência (TCO) nas três cidades por suspeita de boca de urna e desobediência eleitoral.