No Acre, 32 pessoas são presas em operação nacional da Polícia Civil

As Polícias Civis das 27 unidades federativas do país foram às ruas na manhã desta quarta-feira, 24, para cumprir centenas de mandados de prisão. No Acre, já foram cumpridos 32 mandados judiciais, 24 prisões foram efetuadas na capital e oito prisões no interior.

Além disso, seis foram presos pelos Agentes do Núcleo Especial de Capturas (Necap) e apresentadas nesta manhã na Delegacia da 3ª Regional de Polícia Civil, na Baixada da Sobral. Os demais já se encontram no presídio.

A Operação Nacional, batizada de #PC27, tem como objetivo retirar de circulação foragidos da Justiça que cometeram crimes graves, como roubo, homicídio, estupro, participação em crime organizado entre outros. Para a secretaria de segurança do Estado, a ação parte da união de esforços, que visa reduzir a violência em todo o país e no Acre.

A ação é coordenada pelo Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil (CONCPC) e tem como objetivo o combate aos mais diversos delitos que assolam a sociedade brasileira, contribuindo para a diminuição da criminalidade. “Estamos dando cumprimento dos mandados na capital, Sena Madureira, região Envira e Juruá. Estamos buscando capturar aqueles foragidos da justiça com sentenças condenatória ou modalidade de prisão preventiva em aberto”, disse o secretário de Polícia Civil no Estado, Rêmulo Diniz.

Os mandados de prisão foram expedidos pela Justiça, após trabalho de investigação. Cada uma das Polícias Civis do Estado e do DF realizou levantamento de inteligência para possibilitar o maior sucesso na operação. O nome Operação #27 é uma referência à união e padronização de todas as Polícias Civis do país.

%d blogueiros gostam disto: