Operação mira líder feminina de facção e outros ‘chefões’ do tráfico

Nesta quarta-feira, 03, o Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) em parceria com a Polícia Militar deflagra a segunda fase Operação Livro Caixa.

A partir da análise dos documentos apreendidos na primeira etapa foram identificadas lideranças de duas organizações criminosas com alto grau hierárquico, responsáveis pelos núcleos de cadastramento, contabilidade, disciplina e “gerais”de três bairros da capital, inclusive uma liderança do núcleo feminino dessas facções.

Estão sendo cumpridos 32 mandados judiciais,sendo 18 de prisão e 14 de busca e apreensão nos bairros Cidade do Povo, Santa Inês e Boa União, em Rio  Branco, bem como nos municípios de Boca do  Acre (AM) e  Dourados (MS), além de três cumprimentos na Unidade  Prisional Francisco d ́Oliveira Conde, na Capital.

Ao todo mais de 100 policiais militares foram empregados na deflagração da Operação, além de promotores de Justiça do Gaeco e servidores do Ministério Público do Estado do Acre.

Operação Livro Caixa

A primeira fase da Operação Livro Caixa foi deflagrada em 05 de agosto de 2020 e teve por objetivo desarticular os núcleos financeiros, responsáveis por realizar a contabilidade do crime da facção na Cidade de Povo e outras regiões, inclusive quanto à extorsão de comerciantes locais que eram obrigados a pagar contribuição para a organização criminosa.

Naquela ocasião foram cumpridos 18 mandados judiciais, sendo 13 mandados de prisão e cinco de busca e apreensão.

Fonte: Ascom MPAC

%d blogueiros gostam disto: