Polícia Civil continua investigando desaparecimento de irmãos em Cruzeiro

Os dois irmãos, de 15 e 16 anos, desaparecidos no final de setembro, continuam sendo procurados pela polícia. O caso aconteceu numa comunidade às margens do Rio Mirim e, segundo a polícia, eles teriam sido alvejados com tiros ainda com a origem desconhecida.

O outro irmão, de 20 anos, que estava com eles num barco, no momento do acontecido, foi ferido e localizado ainda com vida. Familiares conseguiram levá-lo, em estado gravíssimos, para o Hospital do Juruá, onde ele permanece internado com quadro estável.

“Esse caso chegou ao nosso conhecimento na semana e teriam sido feridos por pessoas que teriam feito disparos contra eles”, disse o delegado Lindomar Ventura, ao explicar que já há informação de que um dos irmãos desaparecidos estaria morto.

“Tivemos a informação de um outro estaria morto, mas vamos continuar investigando até ter a certeza do que aconteceu e se os outros jovens conseguiram sair da água”, afirmou o investigador durante entrevista à imprensa local.