Polícia prende homens que aparecem em vídeo matando jovem

Após a divulgação do vídeo em que o jovem Danilo Alemão, de 22 anos, encontrado morto no último domingo (21), aparece sendo assassinado por dois homens que se apresentam como “Lúcifer” e “Capetinha”, a Polícia Civil realiza diligências e prende os envolvidos no crime.

A apresentação se deu na amanhã desta terça-feira (23), na Delegacia de Polícia Civil do Quinari.

De acordo com o delegado, Marcos Cabral, quem aparece atirando em Danilo Alemão é o menor de 17 anos. Edvaldo da Costa, de 26 anos, é quem faz a gravação do vídeo e Leonardo Vinicius, de 22 anos, fez parte da organização do crime, dando guarita aos criminosos para planejarem e se esconderem após cometerem o homicídio.

“Nós ainda não conseguimos constatar a motivação, contudo, os interrogados relataram em depoimento que a motivação era acerto de contas pela vítima supostamente participar de uma facção rival. O vídeo mostra a forma cruel com que a vítima foi executada e durante a prisão, nós apreendemos aparelhos celulares com um cartão de memória e um dos interrogados confessou que o vídeo estava armazenado. Iremos apresentar ao judiciário para apresentar essas provas durante a instrução criminal”, disse Marcos Cabral.

Com informações Ac24horas