Vereador pede que Educação seja incluída na vacinação imediata em Epitaciolândia

Após a ação tomada pelo gestor de Epitaciolândia Sérgio Lopes (PSDB), antecipando a vacinação para policiais civis e militares do município, fazendo a famosa “fura fila”, o vereador José Maria (PSL), encaminhou pedido de providências para que os funcionários da educação sejam incluídos de imediato no grupo prioritário para vacinação anti covid-19.

A justificativa do vereador se respalda no fato dos educadores estarem expostos ao contágio da doença, com contatos diretos a funcionários, alunos e pais tanto no ambiente de trabalho quanto no trabalho de busca ativa nas comunidades.

José Maria pede que o processo de imunização no grupo de risco se estenda a todos os funcionários da educação também e que não tem nada contra os policiais civis e militares que foram vacinados em Epitaciolândia, mas os funcionários da educação estão na linha de contágio da covid-19 muito grande e tem que serem incluídos nessa vacinação urgente.

Da bancada municipal, quatro dos nove vereadores já declararam apoio ao pedido de providencias ( Pantíco da Água, Diojino Guimarães, Messias Lopes e o autor do pedido).

O vereador Messias Lopes (PT), destaca que não tem como iniciar o ano letivo 2021 sem imunizar os educadores. “Eles estão correndo risco desde o inicio, corrigindo material escolar, na matricula de alunos e até indo a procura de pais para saber a situação dos alunos, tem uma exposição muito grande e precisam tomar a vacina também”, diz ele.

Vale ressaltar que na lista de prioridades de vacinação com base no Plano Nacional da Vacina de Operacionalização contra covid-19, os funcionários da educação estão à frente dos funcionários da policia civil e militar.

%d blogueiros gostam disto: