Vereadores de Senador Guiomard suspendem reajuste do próprio salário após pressão popular e do MP

Os vereadores sem Senador Guiomard, trabalham uma vez por semana, isso mesmo. Existe uma única sessão por semana e ganham uma remuneração de R$ 5.500,00 e ainda querem reajuste de 53%.
A Tribuna

Foi tanta pressão por parte da população e Ministério Público, que os vereadores de Senador Guiomard realizaram uma sessão extraordinária na sexta-feira passada (15), para votar uma emenda na lei que reajustava os salários dos parlamentares. Eles decidiram suspender o aumento na remuneração mensal que chegava a 53%. Os salários dos vereadores saltariam de R$ 5.500,00 para R$ 8.500,00.

Para justificar o aumento fizeram várias indagações. Primeiro: só valeria o novo valor em 2022; depois: a lei tinha sido aprovada no ano passado, faltava só sancionar, e como não podia deixar a matéria ficar parada, foram obrigados a votar.

O promotor do município, Daisson Teles, e os moradores não caíram nessa conversa. O MPE oficiou a mesa diretora da câmara para que ela repassasse detalhes do aumento expressivo.

_____________________

Cercados, os vereadores decidiram pelo bom senso vão continuar, por enquanto, com o salário de 5.500,00.

_____________________

Só que a votação pode ser uma jogada alerta o promotor. Segundo Teles, a suspensão é até dezembro de 2021, em janeiro do ano que vem, os vereadores podem colocar em prática a lei do reajuste. “Por isso precisamos ficar de olho. Eles podem perfeitamente voltar com a lei do reajuste em janeiro de 2022, porque a decisão de agora tem o limite até dezembro desse ano. A população não pode tolerar”, observou.

A câmara justificou a nova decisão dizendo que ficou preocupada com a imagem do poder legislativo e até disse que seria um ato irresponsável diante do atual momento em que vivemos. Mas para o MPE, tudo isso é uma estampa no aumento. “Até porque uma lei complementar federal proíbe reajustes e contratações até o final de 2021”, explicou o promotor de Justiça.

Os vereadores sem Senador Guiomard, trabalham uma vez por semana, isso mesmo. Existe uma única sessão por semana e ganham uma remuneração de R$ 5.500,00 e ainda querem reajuste de 53%.

Os vereadores que deveriam fiscalizar é que serão fiscalizados até o final do ano.

%d blogueiros gostam disto: