Em meio a protestos, prefeito entrega projetos à Câmara com reajustes a servidores públicos de Rio Branco

Em meio a protestos, prefeito entrega projetos à Câmara com reajustes a servidores públicos de Rio Branco — Foto: Eldérico Silva/Rede Amazônica

Em meio a protestos, prefeito entrega projetos à Câmara com reajustes a servidores públicos de Rio Branco — Foto: Eldérico Silva/Rede Amazônica

Após muita pressão dos servidores públicos municipais, o prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, entregou nesta quarta-feira (20) projetos que preveem reajustes a todos do quadro de pessoal da capital para votação na Câmara de Vereadores.

Ao todo, foram entregues 10 propostas para alteração dos planos de cargo, carreira e remuneração de todas as categorias da administração pública de Rio Branco, com pedido de urgência para apreciação dos parlamentares.

O prefeito já tinha anunciado reajuste de até 40% aos servidores em março deste ano, mas ainda não havia apresentado a proposta para aprovação dos vereadores. Por isso, os servidores da Educação, que estão em greve desde o dia 24 de fevereiro, chegaram a ocupar a sede da prefeitura de Rio Branco nessa terça (19) e seguiram em protesto até esta quarta.

A presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Acre (Sinteac), Rosana Nascimento, disse que se o projeto for aprovado conforme discutido e acertado com os trabalhadores, a greve deve ser encerrada.

“Esperamos que seja aprovado aquilo que ficou negociado, aquilo que ficou acertado na Câmara com os vereadores. Aprovando, a gente encerra a greve e volta para os locais de trabalho. Que bom que está encaminhando, isso é luta nossa, pressão dos trabalhadores e a Câmara vai receber e aprovar com maior urgência possível. Vamos aguardar o dia da votação e no mesmo dia vamos deliberar o fim da greve”, afirmou a sindicalista.

O presidente da Câmara, vereador N Lima, afirmou que os projetos começam a ser apreciados pelos parlamentarem na próxima sexta-feira (22), mesmo sendo ponto facultativo, em sessão extraordinária.

“Vamos convocar os funcionários, os vereadores já estão cientes disso. E vamos trabalhar na sexta, sábado e domingo para que possamos votar no domingo ou, no máximo, até terça-feira. Nós vamos receber os projetos, encaminhar para nossa procuradoria, depois às comissões, que vão se reunir para que também possam votar. Então, terminando por tudo isso, vamos colocar para votação em plenário. A Câmara Municipal fez seu papel, os vereadores se envolveram, discutiram com a prefeitura, todos os sindicatos foram recebidos na Câmara para dialogar”, disse o vereador.

A diretora de gestão de pessoas do município de Rio Branco, Andreia Batista, afirmou que todos os servidores públicos do município estão sendo beneficiados com os reajustes propostos pela prefeitura.

“Hoje é o resultado de uma construção de revisão de todos os planos de carreiras do município. Foi feito uma revisão junto com os servidores e a gestão, ouviu-se todas as reivindicações dos servidores e buscou-se atender a todas elas dentro da capacidade do município. Fato é que todos os servidores terão a majoração de seu vencimento-base e, consequentemente, de outras gratificações, cuja base de cálculo é esse vencimento. Por exemplo, o menor vencimento-base do município hoje é no valor de R$ 969 e ele vai sair para R$ 1,4 mil”, afirmou.

%d blogueiros gostam disto: