Emerson Jarude protocola Ação Popular para anular licitação de jatinho de Gladson Cameli

O vereador Emerson Jarude (sem partido) protocolou nesta quinta-feira, 11, na Justiça Estadual uma Ação Popular para anular a licitação de aluguel de um jatinho no valor anual de mais de R$ 5 milhões para uso do Governador Gladson Cameli. O assunto foi tema de discussão na sessão da Câmara Municipal de Rio Branco (CMRB) na manhã desta quinta.

Na Ação, que pode ser aberta por qualquer cidadão que deseje questionar judicialmente a validade de atos que considera lesivos ao patrimônio público, o vereador processa o Estado do Acre, Secretaria de Estado da Casa Civil e a empresa vencedora da licitação, Manaus Aerotáxi.

Na tribuna, Jarude defendeu que o pregão do fretamento da aeronave deve ser anulado pela sua onerosidade. Ele comparou os gastos de aluguel com os voos comerciais, apontando que com mesmo valor é possível fazer nove trechos comerciais diariamente.

“Verificamos que com essa quantia dá pra comprar mais de 3 mil passagens no valor de R$ 1.500 reais. Nós estamos vivendo um momento de crise, que vem sendo demonstrada pelo próprio Governo a partir do momento que decreta calamidade pública na saúde, e que parcela o 13º salário dos servidores. A licitação de um jatinho vai na contramão de tudo isso.”, afirma.