Facções criminosas cobram 10% do dízimo arrecadado em igrejas do Acre

A reportagem do ContilNet recebeu a informação de que as facções criminosas do Acre não estão perdoando nem mesmo a Casa de Deus. Alguns líderes de  organizações estão cobrando um valor estimado em 10% do total arrecadado nas igrejas evangélicas e católicas do Acre.

Em contato com um pastor de uma renomada instituição religiosa, um faccionado chegou para ele no estacionamento na igreja e pediu um minuto para uma rápida conversa. “Ele me disse que queria 10% do que nós estávamos arrecadando em troca de não assaltar os fiéis na igreja. Em resposta eu disse sim, até porque, ele estava armado”, contou.

O chefe do rebanho religioso disse ainda que, por mês sua igreja arrecada com dízimo mais de R$ 15 mil. “Com isso, eu pago R$ 1.500 a uma pessoa”, ressaltou sem dar maiores explicações. O fato também foi relatado por outro líder religioso de uma igreja católica do bairro Conquista. “Nós estamos passando por uma situação absurda. O padre disse que não ia pagar, mas, após dois assaltos com nossos irmãos, acabamos cedendo a ordem”, relatou sem dar detalhes do valor repassado por mês à facção.

Em ambos os casos, os religiosos disseram que não relataram o caso em nenhuma delegacia de Polícia da Cidade. Questionado pelos motivos de não terem feito a denúncia, ambos foram unânimes em dizer que temem por retaliações.

%d blogueiros gostam disto: