Parceria entre a Prefeitura de Brasileia e Clinica do Rim beneficiará todos os municípios do Alto Acre

SECOM

A prefeita Fernanda Hassem esteve reunida com o proprietário da Clínica do Rim, Alessandro Nasserala e com o advogado Jonotha Onofre, para tratar sobre a parceria para construção e instalação, do serviço de terapia renal substitutiva, da nova Clinica do Rim em Brasileia que irá atender pacientes diagnosticados com insuficiência renal crônica no Alto Acre.

A conversa foi realizada na Associação dos Municípios do Acre (AMAC), em Rio Branco, enquanto a prefeita Fernanda Hassem cumpria suas agendas institucionais na capital acreana.

O empresário Alessandro Nasserala falou sobre a importância do empreendimento. “Estamos instalando a clinica em Brasileia para que possamos atender os pacientes, do Alto Acre, que se deslocam até Rio Branco. O espaço terá capacidade para atender até 200 pacientes, além de gerar empregos para a região, de forma direta 30 pessoas serão empregadas podendo chegar até 100 trabalhadores”, explicou Alessandro Nasserala.

De acordo com o proprietário o atendimento será de forma humanizada, com materiais totalmente descartáveis com salas de hemodiálise equipadas com máquinas de última geração e equipe altamente qualificada para atender os pacientes renais crônicos com o carinho e a dedicação que são necessários.

Atualmente no Alto Acre é realizado o translado de 40 pacientes renais crônicos, diariamente, para fazer o tratamento em Rio Branco, sendo que 8 deles são residentes de Brasileia.

Para a prefeita Fernanda Hassem é motivo de muita alegria e esperança a inauguração da Clinica do Rim no Alto Acre. “Essa é uma das agendas que enche meu coração de esperança, poder dar um conforto a essas pessoas, evitando ter que ficar indo e voltando de Rio Branco para realizar o tratamento muito me alegra. Enquanto gestora sempre priorizei o bem-estar da população, busquei parcerias e recursos para dar aos moradores de Brasileia qualidade de vida. E se Deus quiser, a expectativa é que, a partir de julho esses atendimentos sejam feitos em Brasiléia e atenda a demanda dos municípios do Alto Acre”, ressaltou Fernanda Hassem.

%d blogueiros gostam disto: