Prefeitos do Progressistas pedem para Gladson ficar no partido

 

Com o pedido de “fica”, tudo indica que a candidatura de Tião Bocalom será rifada da disputa eleitoral e que Gladson deverá continuar no partido pelo qual milita há 15 anos.

O governador Gladson Cameli (Progressistas) teve uma baita de uma surpresa na noite desta segunda-feira, 20, ao receber uma comitiva de prefeitos do seu partido Progressistas no Palácio Rio Branco.

A comitiva contou com a presença dos prefeitos de Acrelândia, Feijó, Santa Rosa, Epitaciolândia, Porto Acre e Bujari. Segundo informações repassadas a reportagem os prefeitos de forma unânime pediram ao governador que repense a sua decisão de sair do partido e deram total apoio a Cameli.

O pedido dos prefeitos vai em conjunto com que os deputados estaduais do progressistas pediram em carta aberta na noite desta segunda-feira, 20.

No documento, os parlamentares declararam “total e irrestrito apoio à Vossa Excelência (Gladson), que tem dedicado sua vida para reconstruir a esperança e o desenvolvimento social e econômico do estado do Acre, principalmente neste período de combate à pandemia do coronavírus, priorizando acima de tudo a vida das pessoas”.

Com o pedido de “fica”, tudo indica que a candidatura de Tião Bocalom será rifada da disputa eleitoral e que Gladson deverá continuar no partido pelo qual milita há 15 anos.

%d blogueiros gostam disto: