Ambulância que ficou 4 meses encalhada no Rio Tarauacá chega a Jordão

Somente nesta terça-feira, 22, quatro meses depois de ser despachada pelo governo do Estado para o Jordão, a ambulância do SAMU chegou ao município.

Desde junho a viatura estava em cima de uma balsa, que encalhou no Rio Tarauacá , por causa do baixo volume de água no manancial.

O prefeito do Jordão, Élson (PCdoB), conta que o veículo foi destinado para a cidade ainda pelo ex-secretário de Saúde Alysson Bestene. E destaca a falta de conhecimento dos gestores da Sesacre, sobre a realidade dos municípios e a navegabilidade dos rios acreanos. Em junho, os rios estão quase secos no Acre.

De acordo com Elson, a única ambulância que havia na cidade, está parada há mais de um ano ao lado do Hospital da Família. Por isso, neste período, a prefeitura e outros órgãos, estão transportando os pacientes até o Hospital. “Cidades isoladas deveriam receber mais atenção, mas não é o que acontece. Os gestores nem sabem da nossa realidade. A prefeitura que estava transportando os pacientes esse tempo todo, cita o prefeito Élson, que teve que pagar vigias que ficaram na balsa e rancho para os mesmos todos esses meses.

%d blogueiros gostam disto: