Após flagrar adolescente dirigindo caminhonete, polícia apreende madeira ilegal no interior


Menor usava uma blusa de um grupo de Nova Califórnia, em Rondônia — Foto: Arquivo/Batalhão de Policiamento Ambiental

Menor usava uma blusa de um grupo de Nova Califórnia, em Rondônia — Foto: Arquivo/Batalhão de Policiamento Ambiental

O Batalhão de Policiamento Ambiental (BPA) apreendeu, nessa sexta-feira (2), madeira retirada ilegalmente, motosserras e um rádio da polícia durante uma ação na zona rural de Acrelândia, interior do Acre. A apreensão ocorreu após a polícia receber uma denúncia de desmatamento da região e achar um adolescente, de 15 anos, dirigindo uma caminhonete no Ramal Eletrônica, BR-364.

Ao ser abordado, o menor contou que estava indo buscar alguns trabalhadores do pai para levar para o Distrito de Nova Califórnia, em Rondônia. Dentro do veículo, a equipe achou o rádio usado para detectar a chegada da polícia.

O adolescente confessou que cumpria ordens do pai. O homem se apresentou no local e foi com a equipe de policiais até a área de desmate. Lá, o batalhão ambiental encontrou um trator, nove toras de madeira, duas motosserras, um gerador de energia e outros equipamentos usados no desmate.

Polícia apreendeu nove toras de madeira retiradas ilegalmente da zona rural de Acrelândia — Foto: Arquivo/Batalhão de Policiamento Ambiental

Polícia apreendeu nove toras de madeira retiradas ilegalmente da zona rural de Acrelândia — Foto: Arquivo/Batalhão de Policiamento Ambiental

A caminhonete foi levada para a delegacia de Acrelândia. O menor foi apreendido por dirigir sem Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e o pai autuado por corrupção de menores e uso de rádio sem autorização.

Segundo a polícia, a madeira apreendida serial levada de forma ilegal para o estado de Rondônia.

O comando do BPA explicou que essas pessoas já foram flagradas desmatando na zona rural da cidade durante uma operação do batalhão em parceria com o Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac), deflagrada no início de maio. Na época, três pessoas foram presas e mais de 300 metros cúbicos de madeira ilegal apreendidos.

%d blogueiros gostam disto: