Bandidos tentam sequestrar empresário Abraão Candido e trocam tiros com a PM

Um tiroteio entre criminosos e a Polícia Militar na noite desta quinta-feira, 1, no bairro da Cobal, em Cruzeiro do Sul, terminou com quatro meliantes presos na estrada, a caminho do município de Guajará, no Amazonas.

Segundo a assessoria da Polícia Militar de Cruzeiro do Sul, por volta das 20:30 horas, quatro homens invadiram o apartamento do empresário Abraão Cândido e fizeram ele e a esposa Fátima de reféns. O quinto homem ficou do lado de fora do imóvel, acompanhado por um motorista de aplicativo.

“Na hora da ocorrência conseguimos pegar um dos indivíduos e identificamos o motorista do Uber. Foram recuperados três celulares e notebook e após buscas no local foram encontradas três armas de fogo sendo 2 revólveres e 1 pistola Glock G25 380. Entramos em contato com a polícia do Guajará, passamos as informações e foto dos indivíduos, que foram pegos já retornando para o Guajará”, citou a Assessoria, afirmando que maiores detalhes serão dados após a confecção do Boletim de Ocorrência na Delegacia Geral de Polícia Civil de Cruzeiro do Sul.

A PM não confirmou, mas também não negou se os homens pediram um resgate de R$ 1,5 milhão para liberarem o empresário e a mulher dele, mas informações extraoficiais dão conta da tentativa de sequestro de Abraão Cândido, tio do presidente da Assembleia Legislativa do Acre, Nicolau Júnior, e da primeira-dama do Estado, Ana Paula Cameli. Ele é empresário do ramo de combustíveis, navegação e imóveis.

Uma testemunha afirma que os homens pediram resgate de R$ 1,5 milhão em espécie para libertar Abraão e a esposa dele, Fátima. Como o contador desconfiou no pedido do valor à noite, acionou a polícia, que chegando ao local, trocou tiros com os bandidos. Ninguém ficou ferido na ação.

%d blogueiros gostam disto: