Dois infectados por covid-19 são transferidos durante a manhã desta segunda-feira

Como foi anunciado neste final de semana, o hospital regional Raimundo Chaar localizado em Brasiléia, está com sua capacidade de atendimento no leito para covid-19, totalmente lotado. Fato esse que está deixando a direção preocupada. Para piorar a situação, o aumento de casos de Dengue também está em voga, deixando muitas pessoas com a dúvida entre os dois casos que tem semelhança em alguns sintomas. Na manhã desta segunda-feira, dia 11, devido a lotação, foi necessária a transferência de duas pessoas infectadas com o covid-19, para a o hospital de campanha na Capital, o INTO, que está com sua capacidade de atendimento em 80%.

Segundo um dos diretores, comentou que a capacidade de atendimento em Brasiléia está no limite. Os médicos e enfermeiros estão reduzidos e as vezes tem que lidar com pessoas que não compreende esse fato, passando a agredir de algumas forma, esses profissionais que ficam por horas atendendo pessoas que não procuraram as unidades de saúde no Município primeiro.

Segundo foi anunciado pelo governador na imprensa da Capital, não existe até o momento, alguma possibilidade de realizar um bloqueio nos comércios do Estado através de Decretos como em meses passados. “As pessoas tem que ter suas responsabilidade no momento. Achar que sair por sem máscara achando que não vai ser contaminado, pode-se chamar de falta de responsabilidade sem tamanho. Como consequência, querem culpar os profissionais da saúde, os gestores, etc.”, desabafou um funcionário do hospital Raimundo Chaar.

 

%d blogueiros gostam disto: