Sindicato organiza paralisação de bancos para dia 29 de janeiro

Greve geral de 24 horas deve ocorrer no Banco do Brasil

 

A paralisação nacional deixou as agências do Banco do Brasil com os serviços parcialmente inativos. Foram duas horas de manifestação na manhã de quinta-feira (21).

Os funcionários são contra o plano de reestruturação da instituição financeira, que prevê o desligamento de mais de 5 mil servidores efetivos, sendo que 60 são do Acre.

Segundo o Sindicato da categoria, o plano prevê a extinção do cargo de caixas, mesmo que ainda exista esse serviço. A medida pode ainda resultar na redução de mais de R$ 1 mil no salário dos funcionários.

O Banco do Brasil tem como objetivo fechar 361 agências no país e realizar a diminuição da capacidade de 800 postos de atendimento.

Após a paralisação, as agências voltaram a funcionar normalmente, mas o movimento deve voltar com uma greve geral de 24 horas na próxima sexta-feira, dia 29 de janeiro.

%d blogueiros gostam disto: