Caixa Econômica Federal libera FGTS de atingidos pela cheia do Rio Juruá

Os moradores que fazem parte do cadastro já realizado pela Defesa Civil Municipal de Cruzeiro do Sul e que possuem comprovação de que residem nas áreas inundadas, terão o Fundo de Garantia do Trabalhador (FGTS) liberado caso tenham direito ao benefício depositado na Caixa Econômica Federal.

A medida faz parte das ações do Governo Federal para beneficiar as pessoas atingidas pela cheia do Rio Juruá, em virtude da decretação da situação de emergência. O cadastro iniciou nesta quarta-feira, dia 17, e termina nesta quinta-feira, dia 18. As informações são do site Juruá Online.

“É o prazo é curto, só hoje e amanhã então pedimos que os moradores não deixem para a última hora. Vamos estar na Defesa Civil fazendo o cadastro dessas pessoas”, disse o Coordenador da Defesa Civil Municipal, José Lima.

O coordenador ainda enfatiza que só receberá o benefício quem de fato morar nas áreas cadastradas. “Nós já temos um cadastramento das famílias no ano passado então temos o controle e caso não esteja no cadastro não poderá ter a liberação feita”, afirmou.

Desde novembro do ano passado os moradores dos bairros localizados às margens do Rio Juruá vem sofrendo com as cheias. Desde lá, o rio já transbordou cinco vezes, além dos transtornos, muita gente sofreu prejuízos.

Durante a cheia mais de 600 pessoas ficaram desabrigadas ou desalojadas. Já o número de famílias atingidas chegou a 6.500, com o fim do inverno amazônico dificilmente o rio voltará a transbordar, o foco agora é reconstruir os estragados causados pelas enchentes.

%d blogueiros gostam disto: