Morre o médico Luiz Augusto Batista, pioneiro dos exames laboratoriais no Acre

O corpo do médico Luiz Augusto Batista, pioneiro da biomedicina no Acre e que era dono de um laboratório que levava seu nome em Rio Branco, na Avenida Getúlio Vargas, será sepultado na capital nesta segunda-feira, 2. Ele morreu em São Paulo onde lutava contra um câncer, diagnosticado no início deste ano.

Luiz Augusto Batista viveu no Acre durante 51 anos, onde construiu família, muitos amigos e criou a maior rede de exames laboratoriais do Acre.

Seu corpo está sendo velado na Funerária São Francisco, na Rua Izaura Parente, no bairro do Bosque. O sepultamento será no Cemitério São João Batista, às 16h30min.

%d blogueiros gostam disto: