Suspeito de vários crimes é morto a tiros em perseguição policial no interior do Acre

Um homem identificado como Magno Santos da Silva, suspeito de cometer vários crimes no interior do Acre, morreu durante uma perseguição policial na última sexta-feira (22) na cidade Manoel Urbano.

Conforme a polícia, ele teria cometido um roubo em uma propriedade na zona rural de Manoel Urbano e depois tentava fugir para a cidade na garupa de uma motocicleta. A informação era que ele iria tentar contra a vida de membros de organização rival que estariam em uma festa.

Após ser acionada para atender a ocorrência, a PM se deslocou até a região e, na altura do KM 15 da BR-364, a equipe avistou o homem e iniciou o acompanhamento do veículo.

Ao perceber que estava sendo perseguido, o homem pulou da moto ainda em movimento e tentou fugir pela área de mata às margens da rodovia. Os militares então continuaram as buscas e o suspeito retirou uma arma de fogo da mochila que carregava e apontou contra os policiais, que efetuaram disparos contra ele.

Em seguida, os policias encontraram ele caído e acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que apenas constatou o óbito. O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Rio Branco para os devidos procedimentos.

A delegada titular da delegacia de Manoel Urbano, Mariana Gonçalves, afirmou que todas as medidas de polícia judiciária foram adotadas, como a preservação do local do crime, acionamento da perícia, do IML, oitiva dos policiais envolvidos na ocorrência e de testemunhas.

“A vítima já tinha sido presa e era um criminoso foragido que tinha envolvimento com roubos, receptação e tráfico ilícito de drogas. Estava com mandado de prisão em aberto, além de ter cometido recentemente delito de roubo na área rural. No confronto, estava armado e morreu no local, que foi preservado e periciado conforme os ditames legais. Por fim, o corpo foi removido ao IML de Rio Branco considerando a necessidade de realização de exame cadavérico”, afirmou a delegada.

%d blogueiros gostam disto: