Nova friagem deve chegar na 2ª quinzena de julho, diz Friale

O meteorologista Davi Friale em boletim divulgado nesta quinta-feira, 8, afirmou que uma onda de frio polar deverá atingir o Acre, Rondônia, Amazonas e Mato Grosso a partir da segunda quinzena de julho, despencando a temperatura e provocando mais uma típica friagem da Amazônia Ocidental.

Segundo Friale, não haverá mudanças significativas do tempo até o próximo dia 15 no Acre e nas áreas vizinhas. Segundo ele, o tempo segue com dias quentes, muito sol e baixa umidade do ar.

“As noites continuarão amenas, principalmente, após as 22h, no leste e no sul do Acre. Eventualmente, em alguns pontos isolados, poderão ocorrer chuvas rápidas, com maior probabilidade no vale do Juruá”, afirmou.

Em outro trecho, Friale explicou que ocorre um monitoramento das condições atmosféricas de alta pressão na região da Antártida – origem do frio polar – com possibilidade de baixa pressão significativa sobre o centro da América do Sul – região que “atrai” o frio polar.

“Assim como as condições de umidade, pressão atmosférica e correntes aéreas sobre a Amazônia Ocidental, conjunto este que nos permite identificar a formação e o avanço de uma onda polar na direção do Acre. Portanto, a qualquer momento, estaremos informando a chegada de mais uma friagem à região. No entanto, como já publicamos, não existe esta possibilidade – a chegada de mais uma massa fria – até o próximo dia 15 de julho”, salientou.

%d blogueiros gostam disto: