Covid-19: Acre recebe R$ 2,4 milhões para manutenção de leitos de UTI em dois hospitais do Estado

Dinheiro é para ser usado na manutenção dos leitos de UTI adulto e pediátrico de Rio Branco e Cruzeiro do Sul — Foto: Júnior Aguiar/Secom

Dinheiro é para ser usado na manutenção dos leitos de UTI adulto e pediátrico de Rio Branco e Cruzeiro do Sul — Foto: Júnior Aguiar/Secom

O Acre deve receber R$ 2,4 milhões para manutenção de 50 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) que tratam pacientes com Covid-19 em dois hospitais do estado. O dinheiro faz parte de uma verba enviada pelo Ministério da Saúde para estados, municípios e o Distrito Federal para custeio das despesas no mês de maio.

A portaria de repasse foi publicada nesta terça-feira (25) no Diário Oficial da União. Ao todo, o governo federal liberou mais de R$ 1 bilhão para os estados e o Distrito Federal.

No Acre, os recursos vão ser usados para manutenção de leitos de UTI adulto e pediátrico do Hospital do Juruá, em Cruzeiro do Sul, interior do estado, e Pronto-Socorro de Rio Branco, na capital acreana.

Os 50 leitos listados na portaria se encontram no Hospital do Juruá (20) e no PS (30).

Em março, a saúde do Acre entrou em colapso e ficou sem leitos de UTI e enfermaria para atender os pacientes com Covid-19. A Secretaria de Saúde do Estado (Sesacre) teve que transferir pacientes para continuar com o tratamento em um hospital do Amazonas.

Pronto-Socorro de Rio Branco vai receber recurso do Ministério da Saúde para manutenção de leitos de UTI — Foto: Júnior Aguiar/Secom

Pronto-Socorro de Rio Branco vai receber recurso do Ministério da Saúde para manutenção de leitos de UTI — Foto: Júnior Aguiar/Secom

No mesmo mês, quando o Hospital do Juruá estava com 90% de ocupação, o Ministério da Saúde publicou uma portaria autorizando a abertura e financiamento de 10 novos leitos de UTI exclusivos para tratamento de Covid-19 na unidade.

No PS, os leitos foram reativados no dia 25 de março, mesmo após um bloqueio temporário dos leitos. A partir daí, passaram a disponibilizar vagas na UTI no PS, no Instituto de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC) e no Hospital do Juruá.

Mesmo assim, ainda tinham pessoas na fila de espera por uma vaga no estado. Com leitos de UTI no limite, a sala de emergência do Pronto-Socorro de Rio Branco chegou a ficar superlotada. O local, que tem capacidade para atender 10 paciente, ficou com 17 pacientes.

Nesta terça, dos 106 leitos de UTI nos hospitais da rede SUS disponibilizados no estado, 51 estão ocupados. Com isso, a taxa de ocupação dos leitos está em 48%. Os leitos de UTI estão concentrados na capital, com 80 vagas, e Cruzeiro do Sul, com 26.

Pandemia no Acre

 

Também nesta terça, a capital acreana atingiu a triste marca de 1.005 mortos pela Covid-19. O dado consta no boletim da Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre), que aponta ainda 146 novos casos da infecção no estado, fazendo o número de infectados saltar de 81.505 para 81.651.

Em todo o estado, já são 1.649 mortos pela doença depois mais sete registros de mortes nas últimas 24 horas.

O estado está em contaminação comunitária desde o dia 9 de abril, com uma taxa de incidência de e e 9.128 casos para cada 100 mil habitantes. A taxa de mortalidade em cada 100 mil habitantes é de 184, já a de letalidade – quantidade de mortos dentro dos números confirmados da doença – é de 2%.

%d blogueiros gostam disto: