Deracre continua envio de insumos para pista de pouso do aeródromo de Jordão

O governo do Estado, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem do Acre (Deracre), enviou mais 26 toneladas de insumos para operação tapa-buraco na pista de pouso do aeródromo de Jordão, que deve ser iniciada após período de chuvas.

Mais 26 toneladas de brita foram encaminhadas para obras no aeródromo de Jordão. Foto: Ascom/Deracre

“Por determinação do governador Gladson Cameli, estamos enviando os insumos para iniciar os trabalhos no aeródromo após o período de chuvas e assim a pista ser recuperada”, afirmou o presidente do Deracre, Petronio Antunes.

Devido ao acesso do município ser restringido pelas malhas aérea e fluvial, o transporte de insumos e materiais se torna um desafio e o rio é o meio mais viável. O Deracre dispõe de uma balsa que realiza o trabalho.

Dessa forma, para que todos os insumos cheguem até a cidade, há necessidade também da utilização de embarcações e também de máquinas.

Grandes maquinários trabalham para transportar insumos. Foto: Ascom/Deracre

São barcos, retroescavadeiras, caminhões de apoios e agentes técnicos do Deracre que se dedicam ao trabalho.

Os insumos partem da cidade de Tarauacá, onde é realizada uma das etapas de transbordo para o envio das 26 toneladas de brita, que chegam em caminhões e são retiradas com ajuda de retroescavadeiras que descem o barranco e descarregam os materiais em rampas.

A balsa do Deracre encaminha para Jordão mais de 26 toneladas de brita nesta semana.

%d blogueiros gostam disto: