Professor de educação física é morto a tiros na frente da esposa e do filho de 9 anos em Rio Branco

O professor de educação física Marcelo de Araújo Brígido, de 42 anos, foi morto na noite dessa terça-feira (31), no Bairro Bonsucesso, em Rio Branco, após ter a casa invadida por duas pessoas. O crime ocorreu na frente da esposa e do filho, de 9 anos.

Brígido era professor e tinha um centro de treinamento no bairro. Ele estava em casa com a família, quando arrobaram a porta, entraram no local e efetuaram pelo menos sete disparos. A esposa dele presenciou o crime e disse que apenas se jogou com o filho no chão, segundo informou um familiar que preferiu não se identificar.

Inicialmente, a família não suspeita o que possa ter motivado o crime. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas a vítima não resistiu aos ferimentos e morreu.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para fazer os exames cabíveis e deve ser liberado na manhã desta quarta-feira (1º).

O delegado Cristiano Bastos, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), disse que a equipe já fez os primeiros levantamentos.

O delegado disse que foram feitas diligências em busca dos suspeitos e recebeu informações de um veículo que possivelmente foi utilizado e fazem o levantamento para tentar identificar os envolvidos e o que motivou o crime.

“Já fizemos uma análise inicial da vida pregressa da vítima e não tem envolvimento com o crime, muito menos com organização criminosa. Vamos aprofundar a investigação. Trata-se de execução. Algo motivou essa execução. As pessoas falam que realmente era uma pessoa de bem, não tinha problema com ninguém, mas temos que aprofundar e identificar a motivação. Vários podem ser os motivos”, acrescentou Bastos.

%d blogueiros gostam disto: