Prefeitura de Brasiléia realiza ação de combate ao abuso sexual contra crianças e adolescentes

18 de maio também é dia da Luta Antimanicomial

Em comemoração ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes e Luta Antimanicomial, a Prefeitura de Brasiléia por meio das secretarias de assistência social e saúde realizou, no centro cultural Sebastião Dantas, ação em alusão a data.

A atividade contou com apresentações de dança dos pacientes do Centro de Atenção Psicossocial ( CAPS), e alunas da escola municipal Ruy Lino.

A psicóloga Ramona Melo realizou palestra voltada às crianças e adolescentes presentes no evento, onde abordou a importância da conscientização sobre a luta antimanicomial.
Luan Fernandes, psicólogo do Centro de Referência em Assistência Social ( CREAS) falou a respeito da importância em denunciar o abuso sexual infantil intra e extra-familiar.

O Prefeito em Exercício, Carlinho do Pelado participou do evento, que contou com a presença de dezenas de adultos e crianças, além de profissionais da saúde, assistência social, gestores de escolas, representantes do Conselho Tutelar municipal e presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e adolescente.

A presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente, Joana Bandeira ressalta que o Dia 18 de maio é uma data para reflexão. “Todo ato de violência e abuso sexual deve ser denunciado, seja no Conselho Tutelar, no Ministério Público ou outros órgãos responsáveis por cuidar da integridade das nossas crianças. Essa data serve para que possamos conscientizar sobre atos de abuso praticados muitas vezes dentro do próprio lar”, ressaltou Joana Bandeira.

Rogeria Gondim, coordenadora do CAPS falou sobre a Ação do dia Antimanicomial ” A secretaria de Saúde através do CAPS está chamando a atenção da sociedade sobre a importância deste dia que revela a grande luta, onde há mais de 30 anos se travou uma batalha para que os manicômios fossem fechados. Nós entendemos que as pessoas que tem transtorno tem o direito de viver em liberdade, tem direitos de ter um cuidado especial e por isso que defendemos a ideia de que trancar não é tratar. Nós da equipe do CAPS estamos prontos para oferecer um atendimento humanizado de cuidado de amor e de compreensão para com as pessoas que tem transtorno mental”, afirmou a coordenadora.

O Prefeito em Exercício, Carlinho do Pelado participou da ação e destaca a importância da conscientização. “É uma satisfação estarmos representando a Prefeita Fernanda Hassem nessa atividade tão importante que é o Maio Laranja, sabemos que hoje é um dia especial no combate à exploração sexual de crianças e adolescentes e a Luta antimanicomial, onde o CAPS vem realizando diversas ações com os pacientes, além de palestras educativas nos rádios e Unidades de saúde”, afirmou.

WhatsApp Image 2022-05-18 at 13.33.08
WhatsApp Image 2022-05-18 at 13.33.07 (1)
WhatsApp Image 2022-05-18 at 13.33.07
WhatsApp Image 2022-05-18 at 13.33.09
WhatsApp Image 2022-05-18 at 13.33.05
WhatsApp Image 2022-05-18 at 13.33.09 (2)
%d blogueiros gostam disto: