Número de infectados pela Covid-19 após festa com alunos de medicina da Ufac chega a 28

Curso de medicina da Ufac segue com as atividades presenciais suspensas após surto de Covid-19 — Foto: Arquiv/Ufac

Curso de medicina da Ufac segue com as atividades presenciais suspensas após surto de Covid-19 — Foto: Arquiv/Ufac

Subiu de 19 para 28 o número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus após uma festa com acadêmicos do curso de medicina da Universidade Federal do Acre (Ufac). A informação foi confirmada pelo Departamento de Vigilância Epidemiológica nesta terça-feira (16).

Até domingo (14), 19 alunos que participaram do evento testaram positivo para a Covid-19. Por isso, as aulas presenciais do curso foram suspensas por uma semana após o surto. As atividades seguem suspensas até esta terça.

Segundo a Vigilância Municipal, mais de 300 pessoas, entre os que participaram e quem teve acesso aos participantes, foram testadas.

Alguns dos infectados estão assintomáticos e outros apresentam quadro leve da doença. Nenhum aluno precisou ser internado até o momento. A vigilância destacou também que não há professores entre os infectados.

“Alguns desses infectados são parentes de pessoas que participaram da festa. Eles fizeram testes rápidos de antígeno, que tem a mesma eficiência do swab. Mais de 300 pessoas fizeram o teste, entre os que participaram e os que tiveram acesso a eles”, confirmou a coordenadora do Departamento de Vigilância Epidemiológica de Rio Branco, Socorro Martins.

Coordenação se posiciona

No último domingo, a coordenação do curso de medicina divulgou uma nota explicando a situação. Conforme a coordenadora do curso, Fátima Fagundes, ‘tratou-se de evento não oficial, organizado pelos próprios alunos’. (Veja nota na íntegra abaixo)

O comunicado disse também que todos os alunos estão vacinados com as duas doses da vacina. Na sexta (12), a coordenação fez testes em alguns alunos e o resultado foi negativo. A coordenação confirmou ainda que não há casos de Covid-19 em professores da universidade.

“Até o presente momento, não houve nenhum caso secundário relacionado às atividades educacionais e/ou assistenciais do curso, demonstrando a efetividade de todos os cuidados e protocolos de biossegurança adotados no retorno gradual de algumas atividades de ensino presenciais na instituição”, afirma.

A nota explica ainda que as aulas presenciais irão retornar quando for finalizada a testagem dos alunos e professores do curdo de medicina. “Estamos também procurando conscientizar a comunidade acadêmica do fato de que a pandemia ainda persiste entre nós, e da responsabilidade que possuímos, enquanto promotores da saúde e da ciência no Estado do Acre”, detalha.

Nota da coordenação de medicina

A coordenação do Curso de Medicina da Universidade Federal do Acre (Ufac) esclarece a toda comunidade que tem ciência a respeito do surto de Covid-19, ocorrido em relação a uma festa promovida pelos discentes do curso.

Tratou-se de evento não oficial, organizado pelos próprios alunos. Foram identificados 19 casos entre os alunos, nenhum caso grave e não há, até esse momento, ninguém hospitalizado. Todos os discentes estão com seu ciclo vacinal completo, ou seja, vacinados com duas doses. Ontem, 12, testamos boa parte do nosso corpo discente, com resultados negativos.

Até o presente momento, não houve nenhum caso secundário relacionado às atividades educacionais e/ou assistenciais do curso, demonstrando a efetividade de todos os cuidados e protocolos de biossegurança adotados no retorno gradual de algumas atividades de ensino presenciais na instituição.

As atividades presenciais foram interrompidas por uma semana, até que finalizemos a testagem de todo o curso.

Estamos também procurando conscientizar a comunidade acadêmica do fato de que a pandemia ainda persiste entre nós, e da responsabilidade que possuímos, enquanto promotores da saúde e da ciência no Estado do Acre.

Fátima Fagundes

Coordenadora do Curso de Medicina da Ufac

%d blogueiros gostam disto: