Prefeita Fernanda Hassem e Tadeu Hassem desmentem acusações de Ex- procurador durante coletiva com imprensa

A prefeita do município de Brasiléia, Fernanda Hassem, juntamente com seu irmão e funcionário municipal, Tadeu Hassem, solicitou e se reuniram com a imprensa em seu gabinete na manhã desta terça-feira, dia 31, para esclarecer à sociedade, uma entrevista publicada por um cnanal de televisão da Capital, com um ex-procurador que já não faz parte do quadro a anos.

O ex-procurador durante uma entrevista a um canal de televisão, fez acusações diretas a gestora e seu irmão, os acusando de vários crimes administrativos, até de desvios de bilhões dos cofres públicos para favorecimento próprio, além de outros.

Diante dos fatos, Fernanda Hassem pediu que alguns pontos fossem esclarecidos, dizendo que o ex-procurador, faltou com a verdade e que diante das calúnias, estará acionando a Justiça por seus direitos. Como o seu direito de resposta junto ao canal de televisão da Capital, já que está previsto na Constituição Federal.

“Esse cidadão tem problemas pessoais e clínicos e temos o atestado médico aqui (mostrando a cópia). Fez ataques e acusações ao Ministério Público do Acre, sendo necessário o Órgão se manifestar através de um dos representantes e até trocou socos com o ex-prefeito que esteve à frente da pasta interino”, destacou.

Ne época, o advogado passou por um processo de desligamento por ter sido constatado que sua aprovação não foi legal, uma vez que não seguiu os requisitos, como tempo de advocacia, partindo daí, para ataques pessoais e contra a administração.

Diante dos fatos, Fernanda e Tadeu Hassem, estão movendo ações perante à justiça. “A partir do momento que fui lançado pré-candidato a uma vaga para deputado estadual, estou sendo atacado diariamente por pessoas que já sabemos quem são (…) e vamos contra-atacar no meio jurídico para levar a verdade para todos. Enquanto as denuncias, garanto que estou muito tranquilo quando a isso”, destacou o contador.

Fernanda falou aos jornalistas tudo que estaria acontecendo e acredita que a política é um dos fatores principais que os tornou alvos dos ataques. “Fiquei surpresa quando passei a receber ligações de muitas pessoas sobre a entrevista desse cidadão. Estamos vendo um caso que já não mais pertence à Brasiléia, uma vez que a Justiça já se manifestou. O povo brasileense não gosta desse tipo de comportamento e comprovou na última eleição e já não sou candidata a mais nada”, disse.

Foi destacado também sobre acusações que algumas pessoas fazem nas redes sociais sem saber da realidade do Município. “Brasiléia hoje seria uma cidade fantasma senão tivesse investimentos e estamos trabalhando em prol de todos os dias. A falta de conhecimento e vontade de falar somente para atacar por atacar, mostra o despreparo daqueles que deveriam estar ajudando de alguma forma”, comentou.

A coletiva teve aproximadamente, uma hora de duração e a gestora, juntamente com o seu irmão, fez esclarecimentos para os jornalistas e aos que assistiam via internet, que pode ser revista pelo facebook do oaltoacre.

%d blogueiros gostam disto: